Ganhar Dinheiro Escrevendo Artigos

Se você tem facilidade em escrever, você já pensou em trabalhar e obter uma renda extra escrevendo artigos? Se ainda não, está perdendo seu tempo e sua criatividade. A internet oferece inúmeras possibilidades para você colocar em palavras tanto as suas ideias quanto as ideias alheias para um número ilimitado de internautas, sempre ávidos por informação.

Escrever artigos para a internet é uma atividade que pode começar, para você, como um serviço extra mas que, a partir de determinado momento, poderá se tornar a sua principal atividade, rendendo-lhe o suficiente para a sua tranquilidade financeira, sem depender de um emprego, de enfrentar o trânsito, de horários marcados e outros problemas que você pode encontrar.

Mas, você pode perguntar: basta apenas saber escrever? Ou ter dúvidas como: minha criatividade será tão grande assim para me possibilitar ganhar dinheiro só escrevendo artigos?

A resposta para a primeira questão é não. Para a segunda, também não. Para escrever, você precisa de uma metodologia, precisa ter paciência para pesquisar, precisa conhecer algumas técnicas e precisa, principalmente, saber escrever bem.

Como começar a ganhar dinheiro escrevendo artigos?

Caso seu objetivo seja realmente ganhar dinheiro com artigos, procure na internet os sites de freelancers. Existem muitos e cada um deles trabalha de uma maneira, mas todos fazem o mesmo, ao final: intermediam os freelancers com os clientes que precisam de artigos.

Essa necessidade de blogueiros, donos de agência e de sites, muitas vezes, é pela sua própria atividade, quando precisam se dedicar a outros afazeres e, ao mesmo tempo, precisam que seus sites e blogs estejam sempre atualizados. Se não conseguem fazer tudo ao mesmo tempo, irão recorrer aos sites de freelancers, onde você está cadastrado.

Pesquise sobre os sites e faça o seu cadastro naqueles que considerar que mais possibilitem contratos para escrever artigos. Crie o seu perfil e, se necessário, anexe alguns arquivos de textos já feitos. Quanto mais qualidade nos seus textos, mais você será procurado pelos clientes.

Aprenda algumas técnicas para escrever artigos

Você, muitas vezes, será solicitado a escrever sobre assuntos que não domina completamente, e isso também não será um problema. Se a sua criatividade funciona, você terá a capacidade para escrever. Sempre que lhe pedirem algum artigo, pesquise muito antes de escrever, verifique sites onde o assunto tratado é o conteúdo, leia o que está escrito nos artigos. Essa experiência é muito válida para quem está começando.

Esqueça as cópias e plágios. Há ferramentas na internet que buscam automaticamente os textos iguais e, se você usar desse subterfúgio, não terá lugar entre os freelancers que escrevem artigos. Mesmo que você procure as informações, apenas utilize as informações para a sua redação, que deverá ser só sua, com seu estilo, com seu jeito de se comunicar.

Vá em busca das técnicas de escrever artigos para a internet. Não basta apenas escrever, é preciso saber como. Ao contrário de um jornal ou revista, a internet exige que você aplique algumas técnicas, que são utilizadas pelos mecanismos de buscas, como o Google, por exemplo.

Desta maneira, você precisa se familiarizar com termos como palavra-chave, otimização de títulos, tags, densidade de palavras-chave, meta description, link building, Black hat e outros, que são conhecidos como técnicas de SEO, ou seja, técnicas para o Search Engine Optmization, o que em bom português quer dizer otimização de sites. Essas são as ferramentas que você deve usar para escrever artigos para a internet, fazendo com que seus artigos apareçam entre os milhões e milhões postados todos os dias.

Aprenda a limitar o assunto ao tamanho solicitado, isso é essencial. Muitas vezes você é solicitado a escrever sobre um assunto que, por sua própria conta, não renderia 500 palavras e precisa escrever 1000 sobre ele. Neste caso, não vale encher linguiça, é preciso chamar a atenção do leitor sobre o que você está escrevendo, e isso, claro, vai demandar mais pesquisas.

E, por fim, cumpra sempre seus prazos, conforme tratou. Seu cliente é mais importante que qualquer outro compromisso que você tenha e, neste caso, vale sempre aquela velha história de que o cliente sempre tem razão. Afinal, é ele quem está precisando de um trabalho e, se você se disponibilizou, a sua responsabilidade é atendê-lo da melhor maneira possível.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Permitido usar estes HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>